For a better experience please change your browser to CHROME, FIREFOX, OPERA or Internet Explorer.
Criatividade: Um atributo de todos.

Criatividade: Um atributo de todos.

Por mais que a criatividade seja um atributo de algumas profissões mais do que de outras, para não entrarmos nesse “lugar comum”, vamos já deixar claro que a capacidade criativa é algo com que todos nascemos e que se pode manifestar das mais variadas formas:

O meio onde nos inserimos contribui para o estímulo das nossas capacidades criativas. Parece-nos um dado adquirido.

Razão pela qual, um dos maiores investimentos que podemos fazer, nas nossas crianças, é precisamente proporcionar-lhes novas experiências, propor-lhes novos desafios, levá-las à descoberta de coisas novas, quer seja de forma direta, quer de uma maneira menos convencional.

O importante é que sejam experiências que acrescentem sempre qualquer coisa às memórias dos miúdos. Porque a criatividade não se ensina mas, pode estimular-se através do desenvolvimento de atividades com algum grau de complexidade e inovação que conduzam à busca de resultados, ou à aquisição de novas competências, mais desafiantes e até inusitados.

Além disso, nunca se sabe onde, consciente ou inconscientemente, poderão ir beber a inspiração necessária para uma qualquer invenção ou a resolução de um problema.

E os “bloqueios” criativos, existem mesmo?

Existem, pois! E muitas vezes são gerados por nós quando, até inadvertidamente, nos deixamos condicionar por preconceitos, experiências anteriores, emoções, regras ou valores.

Image by khamkhor from Pixabay

Quando tomamos consciência disso, mais facilmente derrubamos essa barreira.

Porque, na realidade, quando se cria alguma coisa, essa criação parte de algum lado: dos nossos conhecimentos, das nossas vivências e das nossas lembranças.

O truque está, talvez, em saber selecionar o que daí pode evoluir, “quebrar a casca” e dar origem a algo novo.

E quem é que nunca vira a cara a um bom desafio? Os profissionais da Party Office, claro!

 

Os principais ingredientes com que todos eles, independentemente da categoria em que se enquadrem, trabalham diariamente são a fantasia, a imaginação e a capacidade de surpreenderem o público mais sincero do universo — as crianças!

Boas festas com a Party Office.

 

Rosa Afonso, para a Party Office
Publicitária, por não saber fazer mais nada.
Mãe e (acredita!) boa pessoa que gosta de rabiscar umas coisas.

 

Se gostou, partilhe este Artigo:

Deixe o seu comentário


O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Top